▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
De 2ª a 6ª das 08:00 as 18:00hs - Sábados das 08:00 as 18:00hs - Estamos a sua disposição !
F:(11)2914-8097 / 2272-8132 comercial e 7871-1780 celular
ou "Clique Aqui" e deixe sua mensagem !
Reserve já a sua ave, entregamos para sua maior comodidade (Grande São Paulo) e despachamos para todo o Brasil

Tabela Atualizada diariamente confira!

Criadouro e PETShop Sudica

Ring Neck - Novas Mutações - 100% legalizados junto ao IBAMA

Uma parceria do Criadouro Comercial Nanine com o Criadouro Sudica oferecem aves 100% legalizadas com toda a documentação necessária - Enviamos aves para todo o Brasil Clique Aqui e fale conosco !

Macho ou Fêmea ?

Mensagem:

Como faço para saber se o meu Agapornis é macho ou fêmea? Pelas cores é possível saber?

Att
Silvia Leal

Como distinguir ?

Sexar os Agapornis não é fácil, seja para iniciantes ou para criadores mais experientes. Com exceção de duas espécies (Cana e Taranta), não há diferenças entre o macho e a fêmea. No entanto, algumas dicas correntes estão abaixo:

  • Uma das formas de sexagem muito comum é observar os ossos pélvicos (da bacia): o macho os apresenta bem fechados e pontudos e as fêmeas mais abertos (4-7mm) e arredondados. É uma prática comum mas não muito segura (sua eficácia não ultrapassa 30%);
  • O rabo também pode indicar o sexo. Nas fêmeas, as penas do rabo são do mesmo tamanho, como se tivessem sido cortadas. Nos machos, as penas são arredondadas;
  • As fêmeas costumam carregar mais material para o ninho. Apesar de os machos também fazerem isso, eles não costumam carregar material sob as asas, como fazem as fêmeas;
  • Os machos são mais quietos e menores. As fêmeas, por sua vez, são mais bravas, barulhentas e maiores (mas sempre existem exceções);
  • Fêmeas tendem a sentar mais esparramadas no poleiro, com as pernas mais afastadas;
  • A cabeça do macho é mais plana, enquanto a das fêmeas é mais arredondada e arqueada.
  • O que torna ainda mais difícil a sexagem é que machos convivem bem entre si, assim como fêmeas. Esse comportamento pode enganar!

    Colocando dois pássaros na gaiola, você pode ter por base o seguinte: se há a feitura do ninho mas a suposta fêmea não botar, pode-se tratar de um macho. O mais provável neste caso, porém, é que o ninho não seja confeccionado. Mas atenção: podemos ter aqui dois casos. Primeiro, uma fêmea estéril; segundo, um macho experiente que confeccione bem o ninho. Se você notar que há postura de muitos ovos num certo período de tempo, então provavelmente se trata de duas fêmeas, já que elas põem somente um ovo por dia.

    O método mais seguro é fazer exame de sangue, para comprovação de genótipo, ou em menores palavras o DNA, você pode fazer isso facilmente, se cadastrando no site da EXON e solicitar um kit para fazer o teste.

1 comentário

Sara ' disse...

Boa noite. Tenho uma questão. Comprei julgo eu um casal de agapornis. Já os apanhei várias vezes a namoriscar, mas também já reparei numa certa agressividade principalmente quando estão a comer. Será que serão mesmo um casal? E o porquê dessa agressividade quando por vezes estão a dar carícias um ao outro? Obrigada

Postar um comentário

Design by Antonio Silva ^